Category Archives: No Site da Fundação

NOVO INSTITUTO ESPACIAL DA FK

instituto

Apresentação
A inauguração do Instituto Espacial dá uma nova perspectiva de crescimento e de futuro para os objetivos e os projetos da Fundação Keshe.

Não há mais como parar a Fundação !!

Serão centenas de pessoas que por 4 anos estarão aprendendo as teorias, as visões de Keshe, as perspectivas de mudança para o mundo, a construção de reatores, etc. E sairão de lá capacitadas a implantarem as tecnologias nos seus países e, sobretudo, com uma mente e uma compreensão ancoradas no método correto como todas as coisas são criadas.

TEORIA UNIFICADA-PARTE 1

.
Keshe Teoria Unificada
.
O Documento de Keshe, Unifying Theory, ou Teoria Unificada, está disponível no site da Fundação Keshe.

(duas primeiras páginas do ‘artigo’ que já foram traduzidas)

Glossário:
CmPs = Campos Magnéticos Plasmáticos – as menores partículas atômicas com Magrav (campo ao mesmo tempo magnético e gravitacional).
.

Resumo

Neste artigo serão explicados de modo simples a origem do eletromagnetismo, isto é, dos campos eletromagnéticos, e como eles são criados dentro da existência (?) de outros campos magnéticos.
.
Discussões

A ciência atual entende que a criação do Cm e interação deste Cm com a matéria física, ou mesmo com outros Cms, sempre leva à liberação de campos eletromagnéticos, ou aquilo que conhecemos como a unidade de energia equivalente à energia de um elétron. .

Neste universo, onde a unidade de energia equivale à energia de um elétron, mesmo em locais onde não há quaisquer matérias, para que Cms (provenientes destas) possam vir a interagir entre si de modo que algum eletromagnetismo seja criado ou liberado, mesmo assim em tais ambientes os campos eletromagnéticos se apresentam e executam função.

Assim, campos eletromagnéticos, ou aquilo que entendemos como a energia proveniente dos elétrons, não necessitam ser criados mediante interação entre Cms e matérias, que é o modo como vem ocorrendo nos modernos geradores atuais.

Isto porque, no universo, o eletromagnetismo é constantemente produzido, – mesmo sem interação entre Cms e matérias (exemplo dos geradores), e sem interação física entre campos, e até mesmo sem a presença de qualquer matéria, mas, isto sim, – devido tão somente à diferenças (gradiente) de intensidade de Cm entre dois campos.

Nossos experimentos nos tem permitido, por meio de um reator de plasma, criar e manter de forma Constante um campo Energético, – ou o equivalente à intensidade dos campos eletromagnéticos de um elétron, – sem que qualquer elétron esteja presente, ou em movimento, dentro deste reator.

Tal fato inusitado decorreu do desenvolvimento de reatores chamados ‘gravitacionais’ que apresentam a capacidade de, dentro dos núcleos destes reatores, criarem/ produzirem intensidades distintasde CmPs, – com a capacidade (adicional) de, em diferentes partes destes reatores, criar e manter distinta/ diferente intensidade de Cm – onde estes Cms são “contínuos” e portanto podem ser mantidos num nível de intensidade constante e predeterminado, fazendo com que a diferença (gradiente) de intensidade entre esses campos.permaneça (por tempo indefinido) com intensidade igual à intensidade de Cm de um elétron, e fazê-lo numa condição na qual o fluxo eletromagnético de corrente (que sempre é a de um elétron) pode ser mantido, a partir de um Cm para o outro, devido à suas diferenças (gradiente) de intensidade entre os campos.

Nestas condições, pode ser alcançada uma produção contínua de campos eletromagnéticos (elétrons), simplesmente pela criação de dois Cms com distinta/ diferenciada intensidade de Cm – resultando na intensidade de um elétron, – (considerando) que, como estes dois Cms são nivelados para baixo, a partir de uma intensidade de Cms para outra, isto torna possível gerar um fluxo de Cm igual/ equivalente à intensidade de Cm de um elétron (isto é, um fluxo eletromagnético ou de corrente). É deste modo que pode ser mantida (constante, enquanto o reator estiver em funcionamento) uma produção de fluxo eletromagnético, ou criação de corrente eletromagnética.

Assim, a corrente de Cms de um elétron, ou aquilo que se convencionou chamar de eletromagnetismo ou fluxo eletromagnético, pode ser criada a partir de qualquer nível de intensidade de Cms, conquanto que exista alguma diferença (gradiente) de nível de intensidade entre dois Cms.

Nos CmPs, a diferença (gradiente) no nível de intensidade entre dois CmPs gera um fluxo de Cms desde uma até a outra intensidade de campo, e isto é o que comumente se convencionou chamar de de fluxo de campo eletromagnético, fluxo este que (descobrimos que) pode ser gerado e mantido por meio de reatores. Assim, podem ser obtidos/ extraidos campos eletromagnéticos (isto é, elétrons) a partir de qualquer intensidade de CmPs, advindos de qualquer das três Matérias plasmáticas, contanto que a sua diferença (gradiente) de intensidade entre os Cms (CmPs) seja equivalente àquela intensidade de Cm capaz de afetar o movimento de outros campos, para que (por meio de fluxo) (tal efeito) atinja a intensidae de Cms de um elétron, resultando portanto em corrente eletromagnética. E corrente eletromagnética nada mais é do que aquele fluxo de Cms que vai desde um campo de forte intensidade para um campo mais fraco, até que a intensidade de Cm desse fluxo seja (passe a ser) igual ou equivalente ao Cm de um elétron (Ver Figura 1 da Teoria Unificada para tentar entender).
.
O Eletromagnetismo

No verdadeiro mundo da existência (ou da criação), todas as três Matérias plasmáticas de um plasma não exibem fronteiras delimitadas, tal como ocorre com as matérias tangíveis. Nas Matérias do plasma (elétron, próton ou nêutron) suas fronteiras são ditadas e criadas pelo espaço que eles estão preenchendo, e pelos efeitos dinâmicos de Cm que se apresentam, e é este este espaço delimitado de manifestação dos efeitos de seus Cms constituintes é que é chamado de “o ambiente de campos” do plasma. Assim, quando nós falamos de entidade ou plasma, seja de um elétron, um próton ou um nêutron, o que nós estamos nos referindo é básicamente àquele espaço coberto pelo plasma e àquele ambiente dinâmico aonde os efeitos de Cms (CmPs) da estrutura total daquela entidade/ plasma pode abarcar.

Um elétron, de fato, nada mais é do que um ambiente específico no espaço aonde os efeitos totais de todos os Cms de todas as três Matérias e campos constituintes e passíveis de serem detectados ou contidos dentro dele, podem se manifestar..

Quando uma entidade apresentar. dentro de um determinado ambiente de plasma, uma intensidade de Cms total que seja equivalente à intensidade de Cm de um elétron, então tal entidade/ plasma encontrar-se-á de posse da (mesma) mistura dinâmica de Cms de um elétron, o que é outra forma de dizer que tal entidade está apresentando a (medida da) intensidade de Cm de um elétron, o que é comumente chamado de possuir “campo eletromagnético” ou “energia”.

E sendo este Espaço (ambiente plasmático de campos) basicamente constituido de Cms, por sua própria natureza tais Cms precisarão interagir com outros Cms e com entidades feitas de Cms que se encontrarem ao seu derredor, circundando-o, e sabemos que tal interação entre campos, por serem magnéticos, só pode ser ou de atração (gravitação) ou de repulsão (Magnética). Assim, a direção do movimento deste Espaço equivalente a um elétron, ou ambiente plasmático de campos elétromagnéticos (Ver Figura 1) ativos neste Espaço, estará na dependência dos demais Cms que se encontrem dentro do seu próprio ambiente, onde seus ambientes de intensidade total irá ditar, segundo as forças de gravitação e de repulsão, qual será a direção do movimento de alguns Cms do plasma dos elétrons.

NOTA: O RESTANTE DAS PÁGINAS DO DOCUMENTO AINDA NÃO FORAM TRADUZIDOS PARA O PORTUGUÊS.

================================================================
Fonte:
http://www.keshefoundation.org/pdfs/unifying_theory.pdf

EQUIPE DE TRABALHO DA FUNDAÇÃO KESHE

.

.
.
Conheça a Equipe de Trabalho da Fundação Keshe,
Equipe de Colaboradores de Keshe -> Trabalhadores admiráveis.

..
Na parte nferior da imagem, o prédio da Fundação na Bélgica.

APRESENTAÇÃO DO LIVRO 1

.
PARA REFLETIR:
ASSIM COMEÇA O LIVRO “A ORDEM UNIVERSAL DA CRIAÇÃO DAS MATÉRIAS”
.
A inteligência humana tem atingido níveis onde qualquer pessoa, mediante a utilização de modernas tecnologias, pode prescrutar o conhecimento que está a ler, de modo a verificar a sua lógica e validade.
Eu acredito firmemente que este meu trabalho, conforme revelado neste livro, precisa ser compreendido por todos os seres humanos, ao invés de apenas julgado por uns poucos cujo interesse egoísta pooe estar, e estão, obstruindo a liberação de tal conhecimento.
Esta obra foi escrita de tal maneira que qualquer pessoa, de qualquer campo científico de experiência, ou que esteja ao largo da ciência e tecnologia mas seja capaz de perscrutar por si próprio o recebimento desta revelação, e que tenha interesse no funcionamento de todas as ‘Matérias’ (matéria, antimatéria e matéria escura) do universo, seja capaz de compreender completamente o novo conhecimento que estamos a transmitir.
Ela apresenta uma síntese da compreensão de novos ‘primeiros princípios’ de Física, os quais foram reunidos durante mais de trinta anos de pesquisa e desenvolvimento independentes, fazendo funcionar diversos protótipos e procedendo a inúmeros testes com diferentes cargas (ou carregamentos, de gás), os quais confirmaram a sua exatidão e operacionalidade.
Ao longo de milhares de anos, o exercício humano da conversão, tanto de energias quanto de materiais terrestres desde um estado à outro, tem sido a chave para o sucesso progressivo de sua evolução tecnológica e científica.
Mas para que a humanidade possa progredir além, neste caminho evolutivo, o ser humano necessita aprender, compreender e desvendar os poderes das partículas fundamentais iniciais das _Matérias (matéria, antimatéria e matéria escura)..
Nas páginas seguintes, serão apresentados e discutidos novos e relativamente simples princípios teóricos, e citados os resultados de testes realizados, visando libertar as poderosas forças das partículas fundamentais iniciais (destas ‘Matérias’).
Eu procurei usar, em meus escritos, a forma mais simples de linguagem, de modo que todos os seres humanos, de todos os recantos do planeta, possam ler e serem capazes de compreender os padrões (orders) fundamentais de sua criação física.
Assim, cada ser humano sobre a Terra vai possuir a mesma base de conhecimentos e terá a oportunidade de construir o seu próprio ambiente (…) e deste modo poder estar no controle do seu próprio futuro e destino.
Em compreeendendo os princípios de criação de seu mundo, esta tranferência simples de conhecimento, tal compreensão nova, e o uso adequado deste novo conhecimento permitirá/ proporcionará:
:
– que cada ser humano tenha a oportunidade de utilizar e aprimorar os poderes fundamentais de criação visando a avançar em seu próprio caminho evolutivo.
– que cada pessoa possa gerar tanta energia limpa quanto venha a necessitar, para sua sobrevivência em qualquer lugar no universo. Isto significa capacidade de produção energética sem produção de quaisquer (novos) resíduos a prejudicar o ambiente e, com isso, sem pôr em perigo as possibilidades de sobrevivência das futuras gerações.
– que o ser humano possa produzir alimentos e medicamentos mediante os processos naturais da construção de plasmas fundamentais inciiais das suas (próprias) células. Desse modo, nenhum homem, mulher ou criança vai passar fome ou depender dos outros para sua sobrevivência.
– que o ser humano tenha a oportunidade de vir a produzir, ele próprio, todos os tipos de materiais de que tenha necessidade (ou todas as suas necessidades materiais) aonde quer que este esteja, sem estar preso à disponibildade terrena destes recursos, ou à condições ambientais propícias, ou sem precisar estar em um determinado local ou uma posição/ quadrante do universo.
– que os seres humanos tenham a liberdade de movimentarem-se, seja onde for que estiverem posicionados no universo, e em qualquer ambiente e independente do meio em que estejam.
– que o ser humano seja capaz de poder se mover e viajar no seu próprio ambiente e através do universo, em quaisquer condições atmosféricas ou espaciais, estando protegido por campos magnéticos universais..Poderá, assim, usar sistemas (reatores) para viajar (pelo universo) estando a todo momento protegidos por níveis de campos magnéticos e níveis de campos gravitacionais, do mesmo modo como ocorre na Terra, seu planeta natal, no qual seu corpo físico se acostumou à condição atmosférica (magnética e gravitacional) existente ao seu redor.
.
Situações estas todas as quais, para o ser humano, com seu nível atual de conhecimentos e desenvolvimneto científico, têm sido até então apenas um sonho inatingível, em todas as dimensões.
E os seres humanos construirão (juntos) este novo entendimento, e à ele acrescentarão os seus próprios ‘sabores’ científicos e tecnológicos, e suas próprias descobertas e adições únicas, de modo a, pelo conhecimento, superarem suas limitações e os problemas naturais atualmente existentes.
.
Nossa esperança é de que todos vocês, independente de sua raça, cor de pele, crenças ou religião, venham a, unidos e coletivamente, se utilizar desta nova compreensão, visando ao avanço da civilização humana. Vamos rezar para que o ser humano utilize-se destes novos conhecimentos e informações visando a criação de paz e de justiça entre os seus seres semelhantes, e (posteriormente) para com outras criaturas e criações de Deus, com as quais eles ainda virão a fazer contato, independentemente de sua aparência, inteligência e progresso tecnológico.

M T Keshe
(prefácio ao livro 1)

Fonte:
http://www.keshefoundation.org/new-horizons/teachings#book1

VISÕES SOBRE SAÚDE E CORPO HUMANO

.
.

A Fundação Keshe está prestes a publicar seu próximo Documento relacionado a Saúde. Assim, nada melhor do que relembrar alguns conceitos básicos relacionados a isto, obtidos a partir da tradução de uma página do site da KF que explica a aplicação de reatores para a saúde:
..
DOS REATORES AO SEU USO MÉDICO:
.
Devido ao progresso de diferentes aspectos da nossa tecnologia, em junho de 2006 os conceitos da Fundação Keshe adquiriram nova dimensão com o uso de reatores plasmáticos em aplicações médicas.. Inicialmente foram usados reatores de um só núcleo, e, logo em seguida, modelos com múltiplos núcleos foram desenvolvidos e testados em pessoas. Os primeiros resultados dos testes foram encorajadores, ao ajudar (no tratamento) para condições simples, tais alívio da dor de cabeça, aumento da energia física, e assim por diante. Após diversas tentativas bem sucedidas, em janeiro de 2007 testes em grande escala foram iniciados e os resultados tem sido mais do que animadores. Apresentamos para registro as primeiras patentes dos reatores no início do ano de 2007, então em julho de 2007 todo o nosso conhecimento no campo da medicina até então foi apresentado (?) em um pedido de patente européia completa. Esta aplicação médica é e está sendo apoiada por casos em teste e por resultados completos médicos independentes. Todos os testes foram e estão sendo realizados com pacientes com registros médicos completos.
Posteriormente nós projetamos e desenvolvemos uma série de protótipos de reatores plasmáticos específicos para uso médico, havendo um protótipo específico para cada doença. Tais reatores baseiam-se na configuração específica de campo magnético do órgão a ser tratado usando os conceitos plasmáticos da KF.

O CONCEITO DOS SEPMAFs, OS SUB-ATÔMICOS CAMPOS DO CORPO HUMANO.
.
SEPMAF é um emaranhado de campos magnéticos plasmáticos muito específico representando cada gene, célula, órgão do corpo, planeta, estrela, etc.
De acordo com os novos conceitos, as galáxias, os sistemas solares e os planetas são todos SEPMAFs, Igualmente, consideramos qualquer organismo vivo como um complexo e dinâmico sistema SEPMAF, e devemos de tratá-lo como tal.
Cada órgão do corpo (estômago, rins, fígado, pulmões, cérebro, etc.) e os sistemas vasculares e de circulação (gastro-vascular, linfático, nervoso), bem como também as glândulas, os ossos, músculos e tudo que estes contém (sangue, célula, DNA, RNA, genes, etc.) também são considerados e tratados como sendo SEPMAFs.
Cada estrela e cada planeta tem um campo magnético plasmático que é único (proper unique general). O Sol e os planetas são SEPMAFs.
[ O Sol e os planetas a partir do Sol até Marte compõem o núcleo interno do sistema solar, e os planetas de Júpiter até Plutão e além compõem o núcleo externo do sistema solar ]
Também os órgãos do corpo, os sistemas de circulação, músculos, etc, tao SEPMAFs de diferentes complexidades.
Enfim, nosso corpo é um micro-universo.
Em nossa opinião, uma enfermidade ou doença crônica qualquer tem correlação direta com desequilíbrios dos SEPMAFs do corpo. Um reator plasmático ou configuração específica de campo magnético para cada desequilíbrio a ser tratado.

M T Keshe
.
Fonte:
http://www.keshefoundation.org/applications/medical/health-applications/111-health-applications-of-plasma-reactors-en.html

NAVEGUE EM PORTUGUÊS PELO SITE DA FUNDAÇÃO KESHE

.
NÃO É MESMO UMA GRANDE IDÉIA?
.
(Enquanto não tivermos um site totalmente traduzido no nosso idioma…)
.
SUGESTÃO:
Navegue pelo site da Fundação Keshe em português
utilizando o recurso da tradução automática do Google.

As vezes a leitura parecerá um pouco mecanizada,
mas vale a pena para quem ainda não experimentou fazê-lo.
..
EXPERIMENTE !
.
http://translate.google.com.br/translate?hl=pt-BR&sl=en&tl=pt&u=http%3A%2F%2Fwww.keshefoundation.org

PATENTES E LIVROS DA FUNDAÇÃO KESHE

545827_489917211067172_284549423_n


.

LANÇAMENTO DO TRATADO DE PAZ MUNDIAL

Tratado de Paz da Fundação Keshe edição 2013

.
Tratado de Paz Mundial Keshe Foundation
.
O QUE SEGUE É UMA TRADUÇÃO DO GOOGLE DO PDF QUE FAZ O LANÇAMENTO DO TRATADO DE PAZ MUNDIAL, PELA FUNDAÇÃO KESHE.
.
Assinatura do Tratado de paz mundial
E Conferência para a paz no mundo

.
O início do desejo do homem, no tempo,  sempre foi ter um monte de comida e

CONVITE DA FUNDAÇÃO KESHE AOS GOVERNOS MUNDIAIS

.
kesha
.

[O convite foi publicado em 6 de Junho de 2012. Leia o texto do convite pois ele é dirigido não só aos líderes mundiais mas também a todos nós para prestarmos atenção às suas reações.]

Convite para a paz mundial e libertação de tecnologia

A seguir ao encontro da Fundação Keshe com os embaixadores do mundo convidados a Bruxelas em 21 de Abril de 2012, agora o nosso convite vai para as nações do mundo através dos seus embaixadores e dos seus líderes para um encontro em 6 de Setembro de 2012 no Centro da Fundação Keshe em Ninove, Bélgica (ou em qualquer outro lugar escolhido pelas nações).